Um homem levado a montanha

Um homem levado a montanha


Deus me levou pra montanha, é lá que me acalmo, é só lá que consigo ficar completamente calmo e quieto.

As vezes, na verdade muitas vezes eu não sei que caminho seguir em algumas áreas da vida, então fecho os olhos e começo a caminhar, na esperança de ser socorrido caso eu pegue a direção errada.

Existem muitos caminhos em nossa vida, para várias coisas e áreas, quando um caminho é mau geralmente percebemos.

Mas algumas vezes um determinado caminho não é mau, mas inadequado para nós.

Alguns acreditam em Deus, outros não. Alguns que acreditam escolhem deixar no controle DELE as suas vidas e muitos outros se sentem autônomos para controlar a própria existência.

Vou ser sincero, já me senti autônomo, já controlei sozinho, obtive algum sucesso, mas cometi diversos erros, me feri de várias maneiras, feri outros. As feridas fecharam, mas algumas me geram uma certa exitação para algumas decisões.

Por isso me submeto a ELE, mesmo me submetendo eu ainda erro, como é difícil abrir mão do nosso EU.

Como é difícil caminhar neste mundo tentando fazer as escolhas certas, mesmo assim erramos, mas pelo menos as consequências são menores.

Precisei aprender a abandonar rapidamente o que me faz mal, abandonar o jeito errado de fazer as coisas.

Melhor ficar quieto com alguma dúvida do que a minha antiga soberba com a certeza do que fazia e acabava agindo errado.

Precisei ser esmagado para conseguir parar e ouvir Deus, precisei aprender da pior maneira, para nunca mais esquecer, muitos atribuem a Deus o que acontece de ruim em suas vidas ou no mundo.

Eu penso diferente, este mundo não está da forma que Deus planejou, não foi o plano DELE, mas sim nosso livre arbítrio, nossas escolhas de uma maneira geral, consequências de erros coletivos da humanidade. Deus pode mudar o homem mal, mas se ELE mudar não existe escolha, então ELE seria tirano, mas se o homem mal ESCOLHER mudar, então Deus pode fazer todo o restante.

Cada um acredita no que quer acreditar.

Mas depois de esmagado pela vida.

Ele se apresentou a mim...

Eu te conhecia só de ouvir, mas agora os meus olhos te veem.
Jó 42:5

É pelo que ELE fez comigo que escrevo tanto, é pelo que ELE fez da minha vida que subo tantas montanhas, é pelo que ELE me transformou que amo ainda mais meus filhos e tenho um prazer e amor em ser pai. Imperfeito pai, mas sou pai com todas as letras da palavra!

Sou grato pelo que passei, pelo que aprendi, mas poderia ter evitado, se eu tivesse o ouvido antes enquanto ele sussurrava meu nome pelos anos de minha história.

Mas deu tempo, não foi no fim da vida.
Vivo dias maravilhosos, cada segundo de existência, mesmo os dias trazendo o peso das responsabilidades e problemas, ainda sou grato, grato pelo que sou e pelo que serei.

Mas dependo DELE para me indicar o caminho, como todo ser humano.

Obrigado Senhor pelo que TU és, me ajoelho perante tua face procurando achar misericórdia e direção, o sacrifício do Seu Filho Jesus Cristo me mostra quão gigantescas são as tuas misericórdias e amor para com todos nós.

É por isso que me ajoelho, é por isso que oro, caminho sozinho humanamente falando, mas sou totalmente dependente de ti.

Autor: Anderson Ribeiro Sousa.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Vale do Trovão

A represa!

Quando te Conheci